Como Acabar com a Candidíase Rápido?

  • por
Como Acabar com a Candidíase Rápido

É possível acabar com a candidíase rápido

Qualquer pessoa que já teve candidíase sabe e entende o quanto é desconfortável ​​e inconvenientes e os sintomas podem duras vários dias, por isso vamos mostrar nesse artigo como acabar com a candidíase rápido.

A candidíase, se não tratada pode se tornar uma infecção grave. Mas, a boa notícia é que existem muitos medicamentos, como pomadas e comprimidos, além de opções de tratamentos caseiros para candidíase.

Infelizmente, algumas cepas de fungos estão se tornando cada vez mais resistentes aos medicamentos como resultado da negligência das mulheres em fazer todo o tratamento. Quando isso acontece, o fungo fica exposto ao medicamento o suficiente para se adaptar e criar resistência. É por isso que é importante que as mulheres façam todo o tratamento, mesmo que os sintomas melhorem rapidamente.

Como acabar com a candidíase rápido com remédio

Embora as infecções por fungos possam ocorrer em outras partes do corpo, incluindo a boca e a pele, o tipo de candidíase mais comum é encontrado na vagina. Uma infecção vaginal por fungos é causada pela superprodução do fungo Candida Albicans, que vive naturalmente dentro da vagina das mulheres.


Leia: O que causa candidíase


Como acabar com a candidíase rápido – Remédios

Existem muitos medicamentos vendidos sem receita que você pode comprar na farmácia do seu bairro para tratar a candidíase. Se você tiver alguma dúvida, consulte um médico antes de ir à farmácia.

Mulheres grávidas ou com certas doenças, como diabetes por exemplo, devem consultar um médico para fazer um tratamento seguro e específico. Além disso, se você tiver outros sintomas como febre ou calafrios, converse com seu médico, pois podem ser sinais de um tipo diferente de infecção.

Pomadas e cremes para candidíase

Como Acabar com a Candidíase Rápido

Pomada para candidíase

A pesquisa mostrou que os cremes e pomadas têm uma taxa de eficácia de 80 por cento ou mais, assim é a forma mais rápida e barata de acabar com a candidíase. Mas o tratamento oral também estão disponíveis.

Os medicamentos testados e comprovados a seguir são usados ​​por milhões de mulheres para tratar a candidíase. A maioria não precisa de receita médica e todos estão disponíveis na maioria das farmácias locais.

1- Miconazol creme vaginal

É um creme que você aplica diretamente na vagina para se livrar rapidamente da candidíase. Você pode comprar em doses de um, três ou sete dias.

2- Gynazole-1

Uma opção mais cara, o Gynazole-1 , é uma forma de acabar com a candidíase rápido, pois contém o ingrediente butoconazol. Embora seja caro em comparação com outros medicamentos, sua aplicação em dose única é ideal para as mulheres que não querem esperar mais de um dia para que a candidíase desapareça. Uma versão mais econômica é o Terconazol , que usa os mesmos ingredientes, mas precisa de mais de uma dose.

Comprimido para candidíase

Fluconazol

Esta é a forma genérica e econômica do medicamento Zoltec® . O fluconazol é uma boa opção se você não quiser aplicar um creme, desde que tome como prescrito e faça o tratamento completo, mesmo que os sintomas desapareçam.

Conclusão:

O tratamento da candidíase depende da gravidade e da frequência das infecções.

Para os casos com sintomas leves a moderados e episódios infrequentes, seu médico pode recomendar:

  • Tratamento de curta duração. Tomar um medicamento antifúngico por três a sete dias pode acabar com a candidíase. Os medicamentos antifúngicos – que estão disponíveis na forma de cremes, pomadas, comprimidos e óvulos – incluem o miconazol e o terconazol. Alguns desses medicamentos estão a venda sem receita e outros apenas com receita.
  • Tratamento de dose única. O seu médico pode prescrever uma dose oral única de fluconazol. A medicação oral não é recomendada se você estiver grávida. Para controlar os sintomas mais graves, você pode tomar duas doses únicas com três dias de intervalo.

Consulte o seu médico novamente se o tratamento não resolver seus sintomas ou se os sintomas retornarem dentro de dois meses.

Esse artigo é meramente informativo, não temos a intenção de substituir a consulta médica. Não tome ou use medicamentos sem prescrição médica, pois pode ser perigoso para sua saúde.

LEIA TAMBÉM:

Fontes:

Marcações: