Comprimido para Candidíase

Seu médico pode receitar um comprimido para candidíase quando as pomadas ou cremes vendidos sem receita ou tratamentos caseiros não funcionam ou se você tem candidíase recorrente.

comprimido para candidíase

Qual o comprimido para candidíase?

Ó tratamento para a candidíase vaginal depende da gravidade da infecção, o médico pode prescrever uma pomada ou óvulo vaginal, ou um comprimido para candidíase.

Tratamento de curta duração

Tomar um medicamento antifúngico por três a sete dias geralmente elimina a infecção. Os medicamentos antifúngicos, como cremes, pomadas, comprimidos e supositórios, incluem miconazol e terconazol. Alguns desses medicamentos são vendidos sem receita e outros apenas mediante receita médica.

Tratamento de dose única

O seu médico pode prescrever uma dose oral única e única de fluconazol. Essa medicação oral não é recomendada se você estiver grávida. Para aliviar os sintomas mais graves, você pode tomar duas doses únicas com três dias de intervalo.

Tratamento para candidíase recorrente

Consulte o seu médico novamente se o tratamento não resolver os sintomas retornarem dentro de dois meses.

Se seus sintomas são graves ou você tem candidíase recorrente, então seu médico pode recomendar os seguintes tratamentos:

Tratamento de longo prazo

O seu médico pode prescrever um medicamento antifúngico tomado diariamente por até duas semanas, seguido de uma vez por semana por seis meses.

Tratamento oral de várias doses

O seu médico pode prescrever duas ou três doses de um comprimido antifúngico que deve ser tomado por via oral em vez de fazer o tratamento vaginal. No entanto, este tratamento não é recomendado para mulheres grávidas.

Tratamento de infecções resistentes aos comprimidos

O seu médico pode recomendar ácido bórico, uma cápsula que é inserida na sua vagina. Este medicamento pode ser fatal se tomado por via oral e é usado apenas para tratar o fungo Candida que é resistente aos tratamentos convencionais.

Quais são os comprimidos para candidíase?

comprimido para candidíase
Fluconazol

O fluconazol é o medicamento antifúngico oral de primeira escolha para candidíase. Além disso o Itraconazol também é pode ser usado.

O cetoconazol foi o primeiro medicamento em comprimido usado para candidíase. Mas atualmente não é mais indicado, pois pode danificar o fígado.

Como funciona?

Os tratamentos antifúngicos orais curam as infecções em 80% a 90% das vezes. ( 1 ) Mas, em alguns casos, os tipos menos comuns de candidíase podem responder melhor ao tratamento vaginal ou aos supositórios de ácido bórico . ( 2 )

Os medicamentos orais não fornecem alívio imediato dos sintomas; portanto, os medicamentos vaginais também podem ser necessários nas primeiras 48 horas de tratamento.

Como tomar

Em primeiro lugar, devemos informar que somente seu médico pode prescrever qualquer comprimido para candidíase. Essas informações são apenas para informar ao leitor das possíveis recomendações médicas. ( 3 ) Além disso, todos medicamentos tem efeitos colaterais e contra indicações que devem ser informados por seu médico. Informe ao seu médico quais remédios você toma e as doenças cronicas que tem.

Itraconazol

O itraconazol oral é um medicamento antifúngico de amplo espectro muito útil. Deve ser tomado após uma refeição gordurosa, de preferência com uma bebida ácida, como suco de laranja.

Candidíase vulvovaginal : 200 mg duas vezes ao dia por um dia OU 200 mg diariamente por 3 dias, repetido se necessário ou regularmente uma vez por semana a uma vez por mês.

Fluconazol

O fluconazol é um triazol usado para candidíase e infecções cutâneas causadas por dermatófitos. A dose e a duração dependem da natureza e gravidade da infecção.

Candidíase vaginal : dose única de 150 mg

Conclusão:

Se você pegar uma candidíase e procurar atendimento e começar o tratamento cedo, pode tratar com produtos como cremes e pomadas vendidos sem receita. Os remédios caseiros também ajudam a aliviar os sintomas. Caso contrário, seu médico poderá prescrever medicamentos antifúngicos como creme ou pomada ou comprimido oral ou ambos, ou supositório vaginal.

O seu médico também pode recomendar probióticos, como Lactobacillus acidophilus . Os suplementos probióticos fornecem boas bactérias que podem ajudar a restaurar o equilíbrio microbiano do seu corpo.

Esse artigo é meramente informativo, dessa forma não tem intenção de substituir a consulta médica. Não tome medicamentos sem prescrição médica, pois pode ser perigoso para sua saúde.

Fontes:

LEIA TAMBÉM: