Dieta Para Candidíase: O que comer e evitar

  • por
dieta para candidíase

Quais alimentos devo evitar para candidíase?

Na dieta para candidíase você de evitar certos alimentos, como açúcar, glúten, álcool e alguns laticínios, que podem causar o crescimento do fungo Candida causador da candidíase. A dieta também indica o que comer, como gorduras saudáveis ​​e alimentos anti-inflamatórios.

Essas são as recomendações de uma dieta saudável para a maioria das pessoas. No entanto, a pesquisa ainda não confirmou a eficácia da dieta para candidíase para o tratamento ou redução da infecções.

Neste artigo, vamos analisar a dieta para candidíase, se realmente funciona, seus benefícios e os alimentos proibidos e permitidos na dieta.

A candidíase é uma infecção fúngica causada pelo crescimento excessivo do fungo Candida Albicans . A infecção afeta a boca ( candidíase oral ), garganta, esôfago e vagina (candidíase vaginal).

Como é a dieta para candidíase?

Como é a dieta para candidíase?

Na dieta para candidíase você deve evitar certos alimentos e bebidas que podem aumentar o risco do crescimento excessivo da Candida . Isso inclui glúten, açúcar, bebidas alcoólicos e certos tipos de laticínios.

Entre os alimentos permitidos estão as proteínas magras ( carnes ), gorduras saudáveis, vegetais sem amido e probióticos. A função desses alimentos é ajudar a reduzir a inflamação e equilibrar as bactérias intestinais.

De acordo com os resultados de um estudo laboratorial de 2017 , a glicose alta pode favorecer o crescimento da Candida . Os pesquisadores também descobriram que os alimentos que contêm frutose podem impedir o crescimento da Candida na boca.

Teoricamente, as pessoas podem ter um risco menor de ter as infecções se eliminarem os alimentos que causam o crescimento do fungo. Mas atualmente os estudos científico não confirmaram se a dieta realmente funciona.

Dieta para candidíase: O que comer?

Dieta para candidíase - Alimentos

Se você deseja seguir a dieta para candidíase deve tentar comer os seguintes tipos de alimentos:

  • Vegetais sem amido como: brócolis , couve de Bruxelas , couve , cebola e tomate .
  • Frutas com pouco açúcar , como frutas cítricas ( limão, laranja e toranja ), azeitonas e frutas vermelhas, mas apenas com moderação.
  • Proteínas magras , incluindo frango, ovos e peixes.
  • Alimentos ricos em gorduras boas , como : abacate , óleo de coco , azeite de oliva extra virgem e óleo de linhaça.
  • Alimentos fermentados , como por exemplo, chucrute, kimchi e iogurte.
  • Grãos sem glúten , como quinoa , farelo de aveia, trigo sarraceno e arroz.
  • Nozes e sementes como amêndoas,  linhaça e sementes de girassol.
  • Certos produtos lácteos , como manteiga comum e ghee, e produtos que contêm culturas ativas vivas, como kefir e iogurte.
  • Adoçantes naturais sem açúcar , incluindo stévia  e xilitol .
    Probióticos .

O que faz mal para candidíase?

A dieta para candidíase proíbe estritamente o consumo de açúcar, glúten, álcool e laticínios que contenham grandes quantidades de lactose.

Na dieta você deve evitar os seguintes alimentos:

  • Vegetais com amido, como batata , milho, feijão e ervilha.
  • Frutas com alto teor de açúcar , que incluem banana , manga , figo e passas.
  • Certas carnes , como carnes processadas e peixes criados cativeiro.
  • Grãos que contêm glúten , como trigo branco, cevada e centeio.
  • Laticínios ricos em lactose , como leite e queijos moles.
  • Gorduras e óleos processados , por exemplo, óleo de canola, óleo de soja e margarina.
  • Adoçantes naturais e artificiais , como sacarose, aspartame, mel de agave, mel de milho e mel de abelhas .
  • Alguns tipos de nozes e sementes , como amendoim , nozes, pistache e castanha de caju .
  • Certas bebidas , como café e chá com cafeína , bebidas adoçadas com açúcar ( refrigerantes e sucos ) e todo tipo de bebida alcoólica.

Conclusão:

A dieta para candidíase evita certos alimentos, ricos em açúcar, gorduras e carnes processadas e permite o consumo de vegetais sem amido, carnes e proteínas magras e probióticos. Os defensores da dieta alegam que alguns alimentos aumentam as colônias do fungo Candida Albicans, mas estudos ainda não comprovaram a eficácia da dieta.  De qualquer forma, seguir uma dieta balanceada e evitar alimentos ricos em açúcar e gorduras trans sempre é saudável e só traz benefícios.

LEIA TAMBÉM:

Fontes: